Buscar
  • Luciano Henrique

COMO O ENGENHEIRO CIVIL PODE AJUDAR NA LUTA CONTRA O COVID ?

Na luta contra esta pandemia do corona vírus, profissionais de diferentes segmentos estão conectando forças e buscando uma nova visão para a realidade atual, procurando aliar a solidariedade as suas profissões. Neste contexto a Engenharia Civil, torna-se uma importante aliada para adotar técnicas de inovação que possam solucionar no mais curto espaço de tempo possível, problemas provenientes desse vírus. Pois infelizmente, não há tempo para se estar à espera de que todas as necessidades e problemas técnicos sejam identificadas a nível central pelo governo e pelas administrações de saúde. Então, algumas organizações e empresas ligadas a engenharia cita algumas técnicas a serem seguidas:

- Aumento do número de ventiladores ou criação de soluções que permitam utilizar o mesmo ventilador para mais do que um doente simultaneamente;

- Formular projetos na área de transportes públicos para que não sejam lotados, com o objetivo de evitar aglomerações não voluntárias e com mais espaço para as pessoas transitarem.

- Construir sistemas mais eficazes de abastecimento de água e de esgotamento sanitário bem como coleta, transporte e destinação final adequada dos resíduos sólidos nos bolsões de pobreza.

- Criação de adufas (zonas segregadas de pressão negativa intermédia) para que os profissionais de saúde se possam equipar ou desequipar em segurança;

- Desenvolvimento de equipamento de proteção para os profissionais de saúde adaptado ao Covid-19 que possa ser utilizado confortavelmente por períodos delongados;

- Adaptação de estruturas vazias como hospitais/enfermarias que tiveram a sua atividade suspensa, hotéis, escolas ao tratamento de doentes Covid-19;

- Desenvolvimento de técnicas para desinfecção massiva.

- Dispositivos para facilitar o tratamento de doentes;

Portanto, devemos acreditar que a engenharia pode ter um papel crucial no aumento da eficiência e na disponibilidade de infraestruturas para permitir um combate mais ativo desta pandemia.






0 comentário

Posts recentes

Ver tudo